Desde 02/06/2003 Criação, produção e edição: Edu Cesar


papodebola@gmail.com


papodebola


sitepapodebola


edupapodebola


(51) 99843-7700

SOBRE ESTA SEÇÃO
O editor Edu Cesar comenta os resultados dos campeonatos de futebol e o dia-a-dia dos clubes. Destaque para o que de principal ocorre em todas as modalidades e ainda os tópicos não-esportivos "Sintonia PB", "Clipe do Dia" e "Bela do Dia".
 
LEIA AQUI as colunas anteriores VEJA AQUI as "Belas do Dia" anteriores
 
Quarta, 17 de março de 2021
O povo morrendo aos montes e a bola rolando aos montes

Em dias cada vez mais pavorosos, dolorosos e insuportáveis, onde o extermínio do povo brasileiro tem sido cada vez maior com uma mistura tóxica e explosiva de desdém, burrice, mau caratismo, má índole, amor maior pelo dinheiro do que pela existência humana e afins semelhantes tão perigosos quanto tanto da parte dos que poderiam e deveriam tomar ações para minimizar ao máximo as inevitáveis perdas que teríamos quanto da parte dos ainda convictos e de inteligência, consciência e compaixão desprovidos apoiadores de tais criminosos que nem sequer devem saber os significados de palavras (nada que um dicionário on line não resolvesse) que não são ofensas dignas de castigo e sim meros atestados do maior pesadelo de realidade vivido pelo mundo enquanto nele presente...

Enfim, em dias com tudo isso que temos tido que suportar sabe lá Deus como, a manutenção ou não do futebol tem causado tanto ações drásticas por extremamente necessárias quanto manifestações absolutamente lamentáveis por desconexas dos fatos na criação de cenários ilusórios e irrealidades que gerariam risadas se não estivéssemos tomados pelas incontidas, insistentes e infinitas lágrimas. Campeonato Paulista, por exemplo. Tentaram levar o atrasado São Bento x Palmeiras para Belo Horizonte, mas o governo de Minas Gerais proibiu jogos de clubes de outros estados, o que inclusive afetou partidas da Copa do Brasil marcadas para lá. Agora, cogitam até ação judicial para que o torneio prossiga, o que é tão patético como compará-lo à tele-entrega de restaurantes. Ora bolas!!!

Vários estados têm paralisado seus campeonatos porque o futebol não é um mundo à parte desconectado do restante da sociedade. Agora, por exemplo, outros que soubemos que interromperão a bola rolando além de Minas Gerais serão Goiás, Espírito Santo e Pará. Enfim, o grande problema do futebol (e do esporte num todo) prosseguir nestes tempos tenebrosos é a sensação de "normalidade" que isso passa. É claro que precisamos de alívios para a mente, sob pena de entrarmos num colapso cerebral tão danoso quanto tem sido o colapso físico que gera internações em massa e mortes, mortes e mais mortes como nunca tivemos por uma mesma causa em tão grande quantidade e tão pouco tempo. Mas empatia é emergencial. Parar por algum tempo para não parar de vez mais adiante.

Outra coisa, para encerrar esse absolutamente descoordenado "abre" porque as sensações estão todas confusas, misturadas, sem a mínima harmonia: é de enlouquecer (queria dizer coisa muitissíssimo pior e só não digo para não baixar enormemente o nível) gente que afirma com a maior certeza do mundo que o futebol é seguro, que não dá coisa grave com ele em relação ao coronavírus - o que é uma absoluta ignorância, só para ficar num único exemplo, dos mais de 300 casos que os 20 clubes tiveram na última Série A do Brasileirão inteira. Esta semana mesmo, eu escutava um debate no rádio e fui forçado a tirar dele porque um dos comentaristas se mostrou tão burro, canalha, idiota, tonto, babaca, retardado, imundo, safado e desgraçado que ou eu saía dali ou quebraria o aparelho.

Tentando ficar calmo e voltando, pego uma citação muito importante feita ontem no Twitter pela Renata Mendonça a respeito do Juventude, que saiu do interior do Rio Grande do Sul até o interior de Alagoas para enfrentar o Murici: distância de quase quatro mil quilômetros, saca só. Pro Papo ir daqui até lá, foram necessários três voos, uma viagem de ônibus, estadia em dois hoteis... tudo em nada mais e nada menos que cinco cidades diferentes, mobilizando 32 pessoas, tudo em apenas quatro dias. Delegação testada no último sábado, foi de Caxias do Sul até Florianópolis. Domingo, rumou até São Paulo e daí até Maceió. Ontem, foi de ônibus até Murici. E não houve testes depois de sábado. Com todo esse movimento para lá e para cá. É ou não é um flerte alarmante com o perigo?

Bom, vamos para a coluna "normal", de que "normal" tem só a estrutura básica dela porque normal mesmo não estou há muito tempo. Tem todos os assuntos do dia, agora que "zerei a caixinha" de assuntos pendentes, mas é claro que não faço tudo com o ânimo habitual. Porra, registraram quase três mil mortes em apenas 24 horas!!! Onde é que foi a capacidade de choque das pessoas com uma tragédia de proporções gigantescas assim???

Os destaques de ontem e de hoje



Copa Libertadores Foi no limite, mas o 1 x 1 com o Deportivo Lara garantiu 3 x 2 totais para o Santos se classificar para a terceira e última pré-grupos, onde enfrentará San Lorenzo ou Universidad de Chile - hoje tem a volta na Argentina e os mandantes se classificarão empatando sem gols devido ao 1 x 1 da ida. O destaque foi o golaço de falta do Soteldo, brilhando justamente na sua Venezuela. Enquanto isso, o reservaço do Grêmio até começou atrás diante de um desfalcadíssimo Ayacucho (com vários desfalques devido ao coronavírus, consta que infecções surgidas justamente aqui em Porto Alegre na ida da semana passada), mas virou para 2 x 1 e fechou a classificação já assegurada pelos 6 x 1 em casa com 8 x 2 totais. Vem aí o Independiente del Valle, que tinha desvantagem de 1 x 0 contra a Unión Española e não apenas reviravoltou, como o fez com uma impiedosa goleada de 6 x 2 para 6 x 3 totais.

Copa do Brasil A 1ª fase teve ontem Murici 0 x 3 Juventude (hoje o Papo saberá se seu próximo adversário será o Atlético de Alagoinhas ou o Vila Nova) e Sergipe 0 x 0 Cuiabá (o Dourado encarará o 4 de Julho na sequência). Nesta quarta, além do já citado Atlético x Vila, tem Rio Branco de Venda Nova x ABC, Guarany de Sobral x CSA, Castanhal x Volta Redonda, Juventude do Maranhão x Operário de Ponta Grossa, Picos x Atlético Acreano, Nova Mutum x Tombense, Galvez x Atlético Goianiense (este em Cuiabá), Retrô x Brusque, Esportivo x Remo, Santa Cruz do Rio Grande do Sul x Joinville, Caxias x Fortaleza e Salgueiro x Corinthians.

Ainda hoje pelo país Copa do Nordeste na 3ª rodada terá Sport x 4 de Julho; Campeonato Baiano na 5ª rodada terá Bahia x Vitória; Campeonato Maranhense na 4ª rodada terá Sampaio Corrêa x Imperatriz; Campeonato Sergipano na 3ª rodada terá Confiança x Itabaiana; e Campeonato Paranaense na 3ª rodada terá Londrina x Azuriz.

Libertadores Feminina Tempo de semifinais, hoje com Corinthians x América de Cáli e amanhã com Ferroviária x River Plate. Tomara que uma das equipes brasileiras esteja na final de domingo - ou até ambas.

Liga dos Campeões da UEFA Mais dois quadrifinalistas definidos: Real Madrid, com 3 x 1 ontem e 4 x 1 totais diante da Atalanta (e que pecado não ter saído o que seria um golaço-aço-aço do Vinícius Júnior, foi por um triz); e Manchester City, com 2 x 0 ontem e 4 x 0 totais sobre o Borussia Monchengladbach. Hoje teremos Bayern de Munique x Lazio (4 x 1 para os alemães na ida) e Chelsea x Atlético de Madrid (1 x 0 para os ingleses na ida).

Sintonia PB


Começa o tópico desta "24 Horas" que está antenado no que ocorre fora dos esportes. Às novidades:



Isadora Neumann na Rede Globo A jornalista da RBS, na qual esteve por 12 anos em funções variadas (a última como repórter fotográfica dos jornais Zero Hora e Diário Gaúcho), deixou Porto Alegre rumo ao Rio de Janeiro para trabalhar em podcasts que serão lançados pelo "Fantástico", projeto tocado pelo editor executivo Marcelo Sarkis. Ela disse ao Coletiva que inicialmente serão cinco meses de trabalho, mas podem ser mais depois.

Rádio Bandeirantes de Campinas local às 10h Depois de oito meses, a emissora voltou a ter programação própria neste horário de segunda a sexta, quando era reproduzido o "Manhã Bandeirantes" do José Luiz Datena na matriz de São Paulo. Estreou a versão radiofônica do "Bastidores do Poder" até 11h30 a partir de hoje (ontem e anteontem ia até 12h), apresentada por Marcos Andrade, Zezé de Lima e Rose Guglielminetti - sim, versão radiofônica do programa também da matriz paulistana (que não é reproduzido em Campinas por causa do "Bandeirantes Esportiva" na mesma faixa). Até o ano passado, ele era produzido localmente para a TV Bandeirantes na hora do almoço.



William Travassos às 10h na Jovem Pan News Estreando nesta quarta-feira o apresentador ex-TV Record, por último atuante na 94 FM do Rio de Janeiro, assumindo a segunda edição do "Jornal da Manhã" na rede liderada pela AM 620 de São Paulo entre 10h e 12h. William substitui Lívia Fernanda, que será deslocada para outros projetos na emissora. Na mesma faixa, o "Jovem Pan Morning Show" é transmitido pela rede FM.

Covid suspende atividades na RIC TV de Londrina Sei pelo Gabriel de Oliveira no TV Pop que a sede da afiliada da Record foi interditada ontem para uma rigorosa limpeza hospitalar e desinfecção máxima depois que 60% dos trabalhadores dela foram afastados por suspeita de contaminação, confirmada em 10 profissionais - inclusive em gente do vídeo. Até que tudo seja retomado (espera-se que na próxima segunda-feira), a cidade acompanha os noticiários gerados de Curitiba. A RIC londrinense produz regionalmente o "Balanço Geral" e o "Cidade Alerta".



Rodolfo Schneider recuperou-se do coronavírus O apresentador e diretor executivo jornalístico e esportivo da Rede Bandeirantes retomou suas atividades nesta semana, depois de duas semanas de afastamento por causa da doença. Anteontem, na abertura do jornal matinal da BandNews FM do Rio de Janeiro - que ele e Thaís Dias fazem de São Paulo -, Rodolfo contou que a infecção veio depois de uma reunião em sua sala por uma hora e meia com Fabrício Ramos, empresário do comentarista Denílson. Ambos estavam com máscara, tomando todos os cuidados, mas dois dias depois Fabrício avisou que tinha testado positivo e o apresentador fez testes que levaram ao mesmo diagnóstico. Na TV Bandeirantes, Schneider apareceu pela última vez no "Jornal da Band" do dia 27 do mês passado. Já o "Canal Livre" ele fez por último no dia 14, depois disso ficando Felipe Vieira na sua ancoragem até agora.



Você não falhou, Anna Alyne Cunha, e sim acertou muito "Para o jornalismo, eu falhei deixando me envolver", disse no Instagram a repórter da InterTV Cabugi (Globo Rio Grande do Norte) em desabafo após a emoção que transpareceu durante o jornal "RNTV - 1ª Edição" desta segunda-feira, quando noticiava o drama dos infectados pela Covid-19 em Natal e citou que ela e a equipe que a acompanhava foram procurados por uma família que procurava atendimento para um senhor, que infelizmente acabou morrendo antes que algum socorro chegasse. Tomando as palavras dela outra vez: "a dor do outro importa". E é por isso que ela não falhou e sim acertou muito. Por décadas existiu a convenção de que o jornalista deveria ficar distante da notícia que transmitia, mas hoje em dia isso não cabe mais. A verdade de cada um fala mais alto ao coração do telespectador. Emoção como a dela não afasta, só aproxima e ganha.

Tensão enorme para equipe do "Encontro" O caso aconteceu anteontem no Rio de Janeiro e cenas foram mostradas ontem pela Globo: uma equipe com a repórter Mona Lisa Duperron gravava com populares em frente ao Shopping Via Parque sobre o "Big Brother Brasil" quando tiveram que correr para se proteger depois que tiros e mais tiros foram escutados - era um assalto a uma joalheria no Barra Shopping. Felizmente, ninguém se feriu.

Globo começou a divulgar "Ti Ti Ti" A novela de 2010/2011, cujo último capítulo completará 10 anos exatamente amanhã, ganhará seu primeiro repeteco a partir do dia 28 no "Vale a Pena Ver de Novo", nos primeiros dias naquele esquema de divisão de espaço com os capítulos finais de "Laços de Família". Refeita por Maria Adelaide Amaral, a trama do Cassiano Gabus Mendes (nesta releitura condensada com parte de outra dele, "Plumas e Paetês") teve Murilo Benício e Alexandre Borges reprisando os personagens de Luís Gustavo e Reginaldo Faria.

Vem aí "O Salvador da Pátria" no Viva Será em 12 de abril, às 14h15 e à 0h40, o retorno do clássico de Lauro César Muniz, estrelado por Lima Duarte, Maitê Proença e Francisco Cuoco com exibição em 1989. Esta novela das oito veio depois de "Vale Tudo" e antes de "Tieta", com trama baseada num "Caso Especial" feito pelo autor em 1974 ("O Crime do Zé Bigorna"), e sua linda trilha sonora internacional é histórica pois foi a primeira de uma novela a ser lançada não apenas em disco de vinil e fita cassete, mas também no então revolucionário CD.

E fique antenado! "Sintonia PB" continua de olho no que ocorre fora dos esportes e retorna na próxima coluna.

Datas em 0 ou 5

É um hábito desta "24 Horas" de bastante tempo e que será mantido aqui ao observar datas importantes que completam 5, 10, 25, 40, 65, 100 anos, enfim, sempre em 0 ou 5 pois é como consigo me organizar melhor. As desta quarta, 17 de março, são estas:

Bela do Dia: Brittany Daniel

Brittany Daniel, atriz que completa 45 anos nesta quarta-feira e que tem como papel mais lembrado o da antagonista da "quase nunca" exibida, da "pouco reprisada" comédia "As Branquelas".

*100 anos do nascimento de Antônio Maria, cronista, poeta e compositor falecido em 1964, rei do samba-canção na década de 1950 e também locutor esportivo de rádio no Rio de Janeiro e diretor artístico da Rádio Tupi e de produção da inaugurada TV Tupi.

*70 anos de Kurt Russell, ator de filmes como "Fuga de Nova York", "Um Salto Para a Felicidade" e "3.000 Milhas Para o Inferno".

*60 anos de Tato, ex-futebolista campeão por Fluminense (Brasileiro de 1984 e tri carioca de 1983 até 1985) e Vasco (Brasileiro de 1989).

*45 anos ao triplicado: de Recoba, ex-futebolista campeão por Internazionale (uma Copa da UEFA, duas Copas da Itália, duas Supercopas da Itália e dois Italianos) e Nacional (dois Uruguaios); da morte de Manuel de Nóbrega, nascido em 1913 e que fez história com o humorístico "A Praça da Alegria", criado em 1957 na TV Paulista e depois feito na TV Record, a partir daí conhecendo Silvio Santos e dando a ele o comando da empresa Baú da Felicidade, depois disso Silvio o convidando para ser diretor superintendente da TVS do Rio de Janeiro quando de sua inauguração - mas infelizmente Manuel morreu dois meses antes do canal finalmente entrar no ar; e da morte de Luchino Visconti, cineasta nascido em 1906 e que dirigiu filmes como "O Leopardo" e "Morte em Veneza".

*35 anos de Gabriela Machado, ex-repórter da RBS TV de Caxias do Sul e da NSC TV de Florianópolis.

*25 anos ao dobrado: da primeira Rio 400 de Fórmula Indy, vencida por André Ribeiro; e da morte de René Clément, cineasta nascido em 1913 e diretor dos vencedores do Oscar de filme estrangeiro "Le Mura di Malapaga" e "Brinquedo Proibido".

*10 anos da morte de Michael Gough, ator nascido em 1916 e que fez o Alfred nos quatro primeiros filmes de Batman.

*5 anos da morte de Gaúcho, futebolista nascido em 1964 e que, depois daquele jogo pelo Brasileiro de 1988 no qual defendeu dois pênaltis para o Palmeiras, fez a alegria do Flamengo ao ser campeão da Copa do Brasil de 1990, carioca de 1991 e brasileiro de 1992 - conste dos autos que ele (fundador do Cuiabá) foi sim campeão gaúcho pelo Grêmio, mas não em 1985, como erradamente está em um sem-número de páginas na internet por naquele ano ele não ter defendido os tricolores, e sim em 1987, quando foi emprestado pelo Santo André no segundo semestre.

Arremate

Coronavírus já vitimou no Brasil mais de 282 mil dos mais de 11 milhões e 600 mil infectados. Força e solidariedade.

"24 Horas" volta rezando que um dia este mal cesse ou diminua drasticamente.

Torneios de futebol, todas as modalidades e variedades não-esportivas.

Destaques da imprensa esportiva. O que acontece em TV, rádio, jornal e web.

Podcasts com pitacos sobre os esportes e outros registros interessantes.

Convidados escrevem sobre temas de agora no futebol e em todos os esportes.

Para entender o presente, é preciso conhecer o passado. Aqui se faz isso.

Teste de conhecimentos com direito a charadas e perguntas "pega-ratão".

Verde para o bom, vermelho para o ruim e amarelo para chamar a atenção.

Gente do esporte dá dicas de livros, filmes, música, culinária e mais.